Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Perguntas frequentes
Início do conteúdo da página

Perguntas Frequentes

Publicado: Segunda, 29 de Outubro de 2018, 15h36 | Última atualização em Sexta, 21 de Junho de 2019, 10h18

Perguntas e respostas mais frequentes sobre a OUVIDORIA da UFAM:

  1. O QUE É A OUVIDORIA?

A Ouvidoria é a voz do cidadão na UFAM. Por meio dela, servidores e comunidade podem expressar opiniões, fazer reclamações, denúncias e sugerir melhorias em relação a todas as  atividades da UFAM.

 

  1. QUAL O PAPEL DA OUVIDORIA?

Ela é responsável por receber, analisar e encaminhar demandas, acompanhar providências tomadas, analisar o grau de satisfação da comunidade como um todo e preparar relatórios propositivos de melhoria para serem apresentados às Diretorias e a Reitoria.

 

  1. COMO A OUVIDORIA-GERAL DA UFAM PODERÁ AJUDAR?

A Ouvidoria-Geral é um órgão de natureza mediadora, trabalha de forma imparcial e visa garantir os direitos do cidadão de manifestação e informação. Atua no processo de comunicação da Universidade com a comunidade, acompanhando a demanda que recebe, até sua efetiva conclusão.

 

  1. QUEM PODE APRESENTAR DEMANDAS PARA A OUVIDORIA-GERAL DA UFAM?

Qualquer pessoa da comunidade universitária, ou da comunidade externa, que tenha interesse relacionado à UFAM.

 

  1. QUE TIPOS DE DEMANDAS SERÃO RECEBIDOS PELA OUVIDORIA-GERAL DA UFAM?

Serão recebidas as seguintes demandas: reclamações, denúncias, críticas, sugestões e elogios sobre assuntos pertinentes à Universidade, aos diversos órgãos, aos servidores e à comunidade. Excetuam-se informações que podem ser obtidas  ou respondidas por professores, coordenações , departamentos, Unidades Acadêmicas ou Faculdades ou a Reitoria.

 

  1. É PRECISO ME IDENTIFICAR, MESMO EM CASO DE DENÚNCIA?

Sim. Todos os demandantes deverão se identificar, lembrando que será garantido o direito de sigilo, quando for solicitado.

 

  1. E É POSSÍVEL FAZER UMA DENÚNCIA ANÔNIMA?

Sim. Mas, uma denúncia anônima que apenas veicule conteúdo calunioso, difamatório ou injurioso contra agente público será arquivada de ofício. Entretanto, somente prosseguirão em processo aquelas em que se encontrem enumerados elementos suficientes que possibilitem a adoção de medidas destinadas e a sua apuração pela autoridade competente. A Constituição Brasileira desencoraja o anonimato, pois, dessa forma, o usuário não tem como receber um retorno do andamento da situação.

 

  1. COMO POSSO ENCAMINHAR UMA DEMANDA?

Pode ser encaminhada através do formulário padrão disponível na página da UFAM. Além do comparecimento pessoal, ainda é possível encaminhar uma demanda através de e-mail ou carta. Lembramos que devem ser informados, no mínimo: nome; endereço (e-mail, telefone ou endereço); e descrição resumida da demanda.

 

  1. OUVIDORIA MANTÉM OS DADOS EM SIGILO?

 A Ouvidoria é fiel à ética e respeito aos direitos humanos, suas a ções são sigilosas e confidenciais. O acesso aos dados pessoais é feito somente se houver necessidade de identificação do manifestante para o andamento do processo.

 

  1. COMO FAZER CONTATO COM A OUVIDORIA-GERAL?

O contato com o Ouvidor-Geral Prof. Dr. Carlos Moisés Medeiros poderá ser feito na Sala da Ouvidoria, sala 2º andar, no 3º Piso do prédio da Reitoria; Av. Gal. Rodrigo Octávio Jordão Ramos, 3000 – Campus Senador Arthur Virgílio Filho -– CEP 69.700-000.

Telefone: (092) 3305-1491;

E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..,

Portal da Ouvidoria: www.portalouvidoria.ufam.edu.br.

 

  1. QUANDO DEVO PROCURAR A OUVIDORIA-GERAL DA UFAM?

A Ouvidoria-Geral deverá ser procurada somente quando forem esgotadas as tentativas de solução da demanda, junto às Unidades administrativas competentes da UFAM.

 

  1. EM QUANTO TEMPO RECEBEREI A RESPOSTA PARA A MINHA MANIFESTAÇÃO?

O prazo para resposta no e-Ouv será de (30 dias contados do recebimento da manifestação, prorrogável por igual período mediante justificativa expressa) o e-Ouv já funciona de acordo com os novos prazos que o Código de Defesa do Usuário de Serviços Públicos ajustou. Dentro desse prazo, a ouvidoria poderá solicitar ao cidadão complementação de informações. Esse pedido interrompe o prazo de trinta dias para a entrega de resposta. Porém, novo prazo começa a contar no sistema, que é o prazo que o usuário terá para complementar sua manifestação (30 dias). A falta de complementação por parte do manifestante acarretará o encerramento e arquivamento automático da resposta.

 

 Outras perguntas frequentes sobre a UFAM acesse: https://ufam.edu.br/perguntas-frequentes

 

 Atualizado em: 21/06/2019

registrado em:
Fim do conteúdo da página